brazil-usa

Brasil exporta dinheiro, produtos e cérebros para os EUA

Por Carlo Barbieri

 

Impressionante o sucesso das conferências realizadas no Brasil, em 6 diferentes estados e cidades.

Cerca de 500 empresários, investidores, intelectuais, cientistas e profissionais liberais participaram buscando saber detalhes sobre como mudar, investir, transferir recursos, obter visto, assegurar melhor educação para os filhos e mais segurança para sua família e negócios.

O evento foi organizado e patrocinado pela empresa de Orlando – Florida ACO, com os serviços profissionais da operadora de turismo, Litoral Verde, que faz um trabalho exemplar.

Teve a organização da Litoral Verde Viagens, a exposição da construtora Zenodro e da Corretora de Câmbio, Advanced.

Em cada cidade os eventos foram organizados por entidades patronais como a Associação  Comercial de São Paulo, Associação Comercial de Juiz de Fora, Federação das Industrias do Espirito Santo, Centro de Convenções da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, entre outras .

Participaram das exposições:

Como conferencista, Carlo Barbieri, presidente do Oxford Group, de Boca Raton, a maior empresa de Consultoria Brasileira nos EUA,  analisando 2 itens:

-Futuro da Economia Brasileira, sob o Governo Trump;

-Como desenvolver negócios com os EUA e obter visto para viver legalmente no país

A Advanced, terceira maior corretora de câmbio do Brasil, ajudou os interessados a saber como e de que maneira podem enviar recursos para seus negócios nos EUA, de acordo com as regras do Banco Central do Brasil, ao menor custo e com maior rapidez.

A ACO é a empresa que administra Vacation Homes, com base principal em Orlando, mas com residências em diversas partes os EUA, Europa e América Latina, que tem o melhor índice de ocupação do mercado, mostrou as perspectivas desse mercado que, em 2022 deve se igualar ao de hotelaria.

Zenodro, consolidada construtora em Orlando, a única na região que trabalha somente com capital próprio, mostrou fantásticas opções de investimentos para Vacation Homes.

Com a instabilidade política no Brasil e a insegurança jurídica, há uma verdadeira fuga de talentos rumo aos EUA e Portugal, apesar da clara melhora dos indicadores econômicos.

Leave a comment