Flórida reverencia o Brasil

A experiência empresarial de Rick Scott fez a diferença nesta visita ao Brasil

Por: Carlo Barbieri*

Com uma simpatia irradiante e uma simplicidade marcante o governador conquistou a confiança dos empresários em São Paulo.
Dizer que foram fechados milhões de negócios é apenas uma forma jornalística de dar ênfase a um evento, mas as ruelas da Fiesp cheias de empresários acotovelando-se para estabelecer contato com as empresas que estavam lá expondo seus produtos e serviços demonstraram claramente o interesse causado pela missão que esteve em São Paulo.

O que pesou para esta delegação, além de o Brasil estar partindo da sétima economia do mundo para a sexta e sermos o maior parceiro comercial da Flórida, foram alguns fatos concretos e imediatos:

A Flórida exportou para o Brasil, no ano passado quase U$14 bilhões

Os brasileiros são os maiores compradores de imóveis na Flórida atualmente, o que tem evitado a queda significativa dos valores deles em Miami. Hoje, 11% dos estrangeiros proprietários de imóveis são brasileiros contra 8% de três anos atrás

Os brasileiros deverão ser talvez ainda este ano o maior contingente de turistas na Flórida (talvez ultrapassando o Canadá)
O gasto médio por brasileiro é o primeiro na Flórida, já estando à frente dos chineses, com um dispêndio médio acima de $6,000 por pessoa, incluindo crianças!

O sucesso da missão pôde ser constatado no irreprimível sorriso de Manny Mencia, vice-presidente sênior do International Trade and Business Development da, Enterprise Florida, que tão desolado estava na missão anterior e tão feliz pôde ser visto com o atual governador. Seguramente haverá exportações bem superiores aos $200 milhões gerados com esta missão.

A pergunta que fica é a seguinte: quantos brasileiros aqui residentes estão aproveitando esta oportunidade para mandar produtos para o Brasil ou para atendar a demanda criada pelos brasileiros que estão e estarão desembarcando por aqui, proximamente?

Com o esperado fim dos vistos, espera-se que três milhões de brasileiros venham para a Flórida. Não dá para reclamar e nem ficar parado vendo esta limusine passar.

Fonte: Boca Raton Tribune

Leave a comment