*matéria publicada originalmente em inglês pelo Boca Raton Tribune https://www.bocaratontribune.com/bocaratonnews/2021/03/is-the-u-s-the-new-chinese-hong-kong/

Muito se tem especulado sobre o futuro dos EUA nesta fase de expectativa com relação aos planos e decisões do novo presidente americano Joe Baden, separando as promessas de campanha e planos de governo.

Segundo a analise de um chines:  será o futuro dos EUA, ser uma nova Hong Kong e argumenta, se referindo a situação atual:.

Não há dúvida quanto a euforias das empresas de alta tecnologia com as prometidas novas relações com a China, que vem trazer vantagens imponderáveis para estas empresas, como por exemplo:

Custo da mão de obra – Com as restrições colocadas nos vistos de imigração no governo atual, a contratação de técnicos de outros países, teria que ser feita, mediante o pagamento de valores mínimos compatíveis com os pagos aos profissionais americanos. Isto trouxe um aumento substancial nos custos das empresas  

Importação – Com as tarifas impostas aos produtos chineses estes estão chegando aos EUA com custos maiores, pois nem sempre o governo chines arcou com este ônus. A nova política, prometida pelo Presidente Baden deve rever estas tarifas melhorando a rentabilidade das empresas.

Com a dependência destas empresas da China, elas apoiaram a campanha do candidato eleito, não apenas com substanciais recursos, como com um controle da mídia que elas administram, e seguiram com este controle, como uns dizem, quase num sistema chines, evitando que pensamentos divergentes tenha forma de serem divulgados através das mídias sociais.

Mas, mesmo isto sendo verdade, não quer dizer que haja interesse em criar qualquer problema ao crescimento e grandeza econômica dos EUA, pois, inclusive para a China, ela precisa do EUA seguir sendo um pais capitalista, bem sucedido, entre outros motivos porquê:

  • É a maior detentora de títulos públicos americanos do mundo;
  • Tem capitalizado suas empresas através da Bolsa de Valores americana;
  • Tem nas empresas e cidadãos americanos seu maior cliente;
  • Tem, nas universidades americanas, a grande base da preparação de seus cidadãos em alta tecnologia e desenvolvimento;
  • Tem tido acesso, de alguma forma, a toda a tecnologia desenvolvida nos EUA;
  • Tem controle de milhares de empresa nos EUA, medias e grandes, de todas as áreas, que vão de entretenimento a mídia, de logística a comercio, de imóveis a tecnologia.
  • Terão o controle da logística mundial até 2025, e com isto, qualquer país, inclusive o EUA, só importa ou exporta sob o controle de empresa da China

Como disse este chines, Hong Kong, como plataforma capitalista, já não atendia as necessidades de expansão da China a nível de poder mundial, precisavam algo maior. Fecharam as liberdades de HK e assumiriam os EUA.

Terá Biden o desejo e a capacidade de evitar este prognóstico?

Só a história dirá se este chines está certo.

Abrir Whatsapp
Precisa de ajuda?
Olá,
Como posso ajudá-lo?